Sessão Ordinária do dia 19/04/2016

Mais Imagens



12º Sessão Ordinária/16, em 19 de abril

 

Indicações Verbais:

Vereador Hélio Moll: Pediu pela manutenção da rede de esgoto na Cohab; Pediu providências para o combate ao borrachudo na imediações da escola na localidade de Vila Gropp.

 

 

 

PALAVRA LIVRE

 

Jaqueline Pezzentti (Secretária Municipal de Meio Ambiente): Representando o Executivo, expôs a angustia do Executivo em relação à qualidade do fornecimento de água no município. Cobrou a execução do Contrato de Programa firmado entre Prefeitura e Casan (de operação) para um período de 30 anos. 

 

Sr. Valdir Kalfels: Destacou que deste 2009 há problemas com o abastecimento de água em Atalanta, cujos problemas nunca foram totalmente solucionados.  Lamentou o problema de saúde pública, destacando o tratamento e fornecimento de água não deve estar sendo realizado com qualidade, pela continuidade do problema no município. Salientou que o fornecimento de água boa é um direito do cidadão.

 

Sra. Maria : Falou em nome da CDL de Atalanta, afirmando que o povo quer água limpa e pede encarecidamente que o problemas seja solucionado, pois já se passarem vários dias em que os usuários não tiveram nem possibilidade de tomar banho. 

 

Cesar Cunha (CASAN): Reconheceu a existência do problema. Citou que o desprendimento  de resíduos  do sistema de abastecimento de água é temporário. Sugeriu que todos utilizem-se da caixas d’água nas residências para decomposição da águam antes da utilização, principalmente para lavar roupas, ou registros de descarga de água antes de subir para as caixas e consumo.  Citou também algumas ações experimentais realizadas no município, e garantiu que à partir da próxima semana todo o abastecimento estará normalizado. Lembrou ainda de um projeto criado já em 2009 para bombear água de Agrolândia para Atalanta, haja vista que as fontes de água disponíveis no município são limitadas. Afirmou que o Contrato de Programa (saneamento), ainda não está sendo realizado nas cidades menores, por critérios da Casan. Admitiu que a Casan sabe da necessidade de resolver do problema existente em Atalanta, sob pena multada, bem como para evitar ação do Ministério Público sobre a municipalidade, devido à assinatura de Termo de Ajuste e Conduta – TAC.

Por fim comentou que a utilização de poços artesianos para abastecimento da cidade é um agravante, por haver o risco de retirada de água sem qualidade. Garantiu que a águam sai com qualidade de todas as estações de tratamento. Disse que, o que não pode acontecer é faltar água nas redes.  Afirmou também que logo será contratado mais um ou dois funcionários para trabalhar na Casan do município. Pediu que os vereadores visitem a estação de tratamento para conferir a qualidade da água que sai de lá.

 

 

Vereador Hélio Moll: pediu mais esclarecimentos sobre a instalação de redes de tratamento de esgoto no município, à partir de 2018, obtendo resposta e confirmação de Cunha.

Vereador Zulnei Jochem: reforçou o pedido de informação do prazo para regularização total do abastecimento, cuja resposta foi que tudo deverá está regularizado até a 2ª semana de maio.

Vereador Valdonir Amarante: Pediu qual seria a ação mais viável: Bombar água de Agrolândia ou construir mais dois poços artesianos. O Superintendente da Casan afirmou que é mais barato fazer os novos poços artesianos, porém é mais garantido trazer água do município vizinho (Agrolândia).

Vereador Edson Kurtz: Pediu que seja concretizado o projeto para trazer água de Agrolândia, para solucionar definitivamente o problema e deixar os poços artesianos como socorro. César Cunha garantiu que será parceiro para a construção do sistema de bombeamento de água de Agrolândia.

Vereador Dimas E. Becker: Questionou a qualidade e a abundância de água de Agrolândia, afirmando que o município dispõe de água com qualidade em abundância para captação nos mananciais. Cunha afirmou que se houver mananciais aproveitáveis, que seja analisada a possibilidade de aproveitamento das mesmas.

 

Vice-Prefeito Tarcísio E. Hillesheim: Reforçou as reclamação da comunidade sobre a falta de qualidade da água disponibilizada nas redes da Casan em Atalanta. Concordou que o bombeamento da água de Agrolândia será a solução para os problemas de Atalanta.

 

- Projeto de Lei Complementar Nº001/2016 que “Institui o Código de Obras e de Edificações no Município de Atalanta e dá outras Providencias.”

 

A próxima Sessão Ordinária será dia 03/05/2016.